Sobre o Hira Ratan Manek (sungazing)

Conversas, perguntas, dúvidas, comentários, advertências, opiniões e partilha de links para sites e textos relacionados ao Sungazing (observação do Sol)

Sobre o Hira Ratan Manek (sungazing)

Mensagempor Jacarishe » sexta jan 27, 2012 5:21 am

Sobre o Hira Ratan Manek


       Hira Ratan Manek nasceu em 12 de Setembro de 1937 em Bodhavad, Índia, cresceu em Calicut, Kerala, Índia, onde conseguiu se diplomar em Engenharia Mecânica pela Universidade de Kerala. Após se formar, passou a trabalhar no negócio de sua família, o qual constava de embarque de mercadorias e venda e compra de temperos e molhos. Nesse negócio permaneceu até 1992, quando se aposentou.

       Após se aposentar, iniciou estudos sobre olhar para o sol, assunto no qual estava interessado desde sua infância. Era um método velho e esquecido que havia sido praticado na antiguidade em diversas partes do mundo.

       Depois de trabalhar por 3 anos nesse método, conseguiu descobrir os segredos de olhar para o sol. Durante seu estudo, foi inspirado principalmente pelos ensinamentos de Lord Mahavir de Jains, o qual praticou o método há dois mil e seiscentos anos. Outras inspirações vieram dos antigos Egípcios, Gregos e Americanos Nativos.

       Desde 18 de Junho de 1995, HRM tem vivido apenas da energia do sol e de água. Ocasionalmente, por hospitalidade e razões sociais, bebe chá, café e lentelho. Desde essa época se sujeitou a três jejuns restritos, durante os quais se nutriu exclusivamente de energia solar e água, sob o controle e observação de equipes de médicos. O primeiro durou 211 dias, em 1995/96. O segundo foi de 411 dias em Ahmedabad em 2000/2001 e o terceiro foi de 130 dias nos Estados Unidos em 2002.

       Em 2002, HRM deu 136 conferências nos Estados Unidos e tem sido convidado por agências de governos de diversos países para ajudá-los na compreensão de seu método de olhar para o sol. Aproximadamente 400 jornais no mundo inteiro têm publicado artigos a respeito de HRM e muitos canais de televisão têm transmitido estórias a respeito dele e de seu processo. Sua mais recente entrevista foi irradiada pela BBC World Services.


       Hira Ratan Manek (HRM), entre outros, provou e continua provando que uma pessoa pode ser nutrida apenas pela energia solar, sem comer nada, por longos períodos de tempo. O fato é conhecido como o “fenômeno HRM”. O método é usado não só para todos os tipos de doenças psicossomáaticas e mentais, como também para melhorar a memória e a força mental usando a luz do sol. A pessoa se livra de qualquer tipo de problemas psicológicos e desenvolve auto-confiança para enfrentar qualquer problema em sua vida e vencer qualquer tipo de medo, inclusive o medo da morte, em três meses depois de iniciar a prática do método. Como resultado, a pessoa ficará completamente liberada de distúrbios mentais e medo, alcançando, assim, um equilíbrio mental perfeito. Se o praticante continuar aplicando o método por mais três meses, totalizando assim seis meses de prática, se livrará de doenças físicas. Se estender a prática por mais três meses, totalizando nove meses, a pessoa se livrará da fome, a qual desaparecerá por si mesma.

       O método aqui apresentado é direto, honesto e eficiente, baseado na energia solar, a qual não só habilita a pessoa a harmonizar e recarregar o corpo com energia vital, como também facilmente invoca as forças ilimitadas da mente. O método permite que a pessoa se livre com facilidade da trilogia de aflições que molesta toda a humanidade, a saber: doenças mentais, doenças físicas e ignorância espiritual.

       O Sol é o maior corpo celeste em nosso sistema planetário. Sua circunferência é 109 vezes maior que a da Terra e pode acomodar 1,300,000 de Terras dentro dele. A distância do Sol à Terra é de 150,000,000 km. O peso do Sol é 330,000 vezes o peso da Terra. Na realidade, o peso do Sol representa 99.8% do peso de todo o nosso sistema planetário. O Sol continuamente expele massas de fogo, as quais têm comprimento de 50,000 km, largura de 9,000 km, e, em cada “cuspida” do Sol podem saltar 200,000 km na direção da Terra. Devido a todas essas forças magnificentes, não é de se estranhar que o Sol venha inspirando a humanidade durante toda a sua história. O Sol tem sido adorado e venerado desde os tempos mais antigos por muitas e muitas sociedades que viveram nas diversas partes do mundo. Cada civilização tinha uma história diferente a respeito do Sol.

       Os antigos egípcios o tinham como o deus Ra. Diziam que a humanidade e os animais provinham de lágrimas derramadas por Ra. O próprio rei era considerado como “o filho de Ra”. Também acreditavam que, ao morrer, o rei se reuniria a seu pai, o Sol. As pirâmides eram consideradas como rampa ou meio de acesso para o céu. Acreditavam que Ra viajava pelo céu num barco durante o dia e sob a Terra à noite. De lá, para poder voltar na manhã seguinte, tinha que derrotar Apepi, o demônio. Ele era representado com se levantando do oceano de cáos para saudar o mundo novamente.

       Na Grecia e na Roma antigas, Apolo estava associado com o sol. Na Mesopotamia era Shamash. As tribos índias da América tinham muitas histórias interessantes a respeito do sol. Reproduzimos uma delas a seguir.

       “Há muito tempo existia um cacique egoista que guardou o sol, a lua e as estrelas com ele. O mundo não tinha nenhuma luz. Naquele tempo havia um corvo que queria tirar a luz do cacique para dá-la ao mundo. O corvo se transformou em uma folha e foi engolido pela filha do cacique, a qual se tornou grávida e teve um bebê. Esse bebê era o próprio corvo. O bebê viu diversos sacos pendurados nas paredes da casa do avô e começou a chorar e pedir para ver o que havia dentro deles. O cacique, um avô muito amoroso, deu para o bebê o primeiro saco. Lá estavam todas as estrelas. O bebê as atirou pela chaminé para o céu, onde elas rapidamente se arrumaram em suas prévias locações. O bebê chorou novamente e o cacique lhe deu um segundo saco, o qual continha a lua, que também foi atirada para o céu pela chaminé. Quando o bebê chorou uma terceira vez o cacique lhe deu o saco com o sol. O bebê se transformou imediatamente no corvo e saiu voando pela janela com o sol debaixo da asa. Foi assim que a luz nasceu para o mundo.”

       A ciência tem provado a necessidade da luz do sol para crescimento, agricultura, saúde e inúmeros outros aspectos da vida humana. Muitos dos mitos no mundo inteiro refletem a crença na necessidade da luz do sol para tudo que existe. A mitologia hindu também compreende o importante papel do sol. Era adorado na Índia, na antiguidade, sob o nome de Surya. Segundo essa mitologia, Surya era responsável pela vida e pela saúde, talvez um reflexo do que era um conceito científico da época. Surya é uma das principais divindades védicas. Surya é descrito como viajando pelo céu em uma carruágem puxada por sete cavalos. Podemos imaginar a analogia entre os sete cavalos e as sete cores da luz.

       Na realidade o fenômeno HRM nada mais é do que a redescoberta de um ritual científico. o qual era usado para curar doenças físicas, mentais, emocionais e espirituais na antiguidade. Hindus antigos chamavam esta prática Surya Namaskar, ao passo que antigos egípcios e americanos a chamavam Helioterapia e os antigos europeus a chamavam terapia Apolo. Nas Américas, o sol também era conhecido como Inta.

       A técnica científica praticada por HRM é como ele transforma a energia do sol em sua própria energia. A humanidade usa a energia solar para operar fogões para cozinhar, aquecedores e carros. De maneira similar, o que HRM faz é converter-se em um carro solar ao usar a luz do sol. Os homens tradicionalmente se nutrem com fontes secundárias de energia como plantas e outras vegetações, as quais dependem totalmente do sol para seu crescimento. Colocada de maneira simples, a idéia, aqui, é aprender como absorver a energia diretamente da sua fonte primária, a saber, o próprio sol.

       Existe uma explicação científica do que deve ocorrer durante a prática deste método. Desde que o cérebro é um receptor potentíssimo e a retina e a glândula pineal (o terceiro olho) são equipadas com células fotoreceptoras, uma espécie de foto-análise deve ocorrer durante o Surya Namaskar, a qual provê a pessoa com todos os tipos de energia e vitaminas requeridos para o bom funcionamento dos órgãos internos. Adicionalmente, os raios do sol trazem consigo as sete cores as quais possibilitam a cura para todas os tipos de doenças como Alzheimer’s, Parkinson’s, obesidade, artrite, osteporose, cancer e outras.

       Para que a paz mundial seja alcançada, todos nós deveríamos ter um equilíbrio perfeito de nossa mente. Portanto, possibilitando-nos a conseguir o equilíbrio perfeito de nossas mentes, este método deverá contribuir para a paz mundial.

       Frase de Hira Ratan Manek:

       Apenas olhe para o sol e pense em coisas boas para você e para o Universo e então tudo de bom lhe acontecerá. Você possui tudo em si mesmo. Está tudo escondido e o sol invoca nossas forças inerentes e nos eleva a standards cada vez mais altos. Olhar para o sol sem correr riscos e com fé é mais do que suficiente.



Sobre o sungazing, se você ainda não tiver visto, vale a pena ver um video do HRM, que tem tradução semi-simultânea para o português.
Está na seção de VIDEOS. Chama-se "Hira Ratan Manek em Portugal (Sungazing)"

Aqui está o link: http://inedia.info/portugues/forumo/viewtopic.php?f=6&t=92



A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original. (Albert Einstein)
Avatar do Usuário
Jacarishe
Participação: CC
Participação: CC
 
Mensagens: 226
Registrado: domingo dez 18, 2011 8:53 pm

Voltar para Observação do Sol (sungazing)

Quem está ligado:

Usuário vendo este Fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

cron